Quem sou eu

Minha foto

Criei esse espaço para dividir, somar e multiplicar as aventuras da maternidade, me tornei mão aos 40 anos, ser mãe é uma das melhores coisas que poderia ter acontecido na minha vida. Mãe, dona de casa, esposa e agora blogueira, seja bem vido(a) ao meu espaço.

Siga por email

Seguidores

Pesquisar este blog

Meu coração mora aqui.

MinhaFlorBela1

Lilypie Fourth Birthday

Selinho

https://plus.google.com/photos/118370895213320549216/ albums/6041220813981463809?banner=pwa

Facebook

Networked Blogs

Eu curto na blogosfera

Tecnologia do Blogger.

Google+ Badge

Total de visualizações de página

Translate

Postagens populares

Arquivo do blog

Visitantes Online

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
terça-feira, 14 de maio de 2013

Doação de Leite Materno... #umatodeamorededicação


Oi gente.
É isso mesmo, doar leite materno no ponto de vista é um ato de amor, amor ao próximo (a), amor à
outra mãe e seu filho (a) que por algum motivo não pode amamentar seu bebê.
Doar é dedicação, sim tem que se dedicar, ter disciplina, querer realmente ser doadora, “DOADORA”, talvez você esteja se perguntando por que repetir essa palavra? Para que ela penetre na cabeça e assim quem ler e possa ser doadora entenda a importância desse ato de doação.
Eu resolvi ser doadora ainda no curso de gestante, tivemos uma palestra maravilhosa com a Beth que a coordenadora do banco de leite, ela falou sobre a importância da amamentação, sobre amamentar em livre demanda, a importância de estarmos bem alimentadas para nutrir nosso bebê, tomar muito liquido e sobre tudo o que já ouvimos falar sobre amamentação os mitos e verdades que envolvem esse ato tão belo que é alimentar nossa cria com o nosso próprio corpo.
Mas ela falou sobre algo que até aquele momento ainda não havia passado pela minha cabeça, “doar leite materno”, sim até aquele momento eu pensava em amamentar minha o meu bebê, não sabia se ia ser prolongado ou não, só tinha a certeza que iria amamentar.

DOAR LEITE MATERNO.
Depois que a minha filha nasceu eu liguei para o banco de leite e falei que queria ser uma doadora, elas enviaram uma enfermeira na minha casa (Deca), muito querida, atenciosa, explicou tudo direitinho de como eu tinha que proceder, levou alguns vidros para eu colocar o leite coletado e assim foi durante muito tempo, toda semana a Deca ia na minha casa buscar o leite.
Porque a disciplina e a dedicação tem que acompanhar a doação?
Porque você precisa ter um tempo para fazer a ordenha e para fazer a ordenha você passar por um pequeno ritual (que não é um bicho de sete cabeças), limpar as mamas, as mãos, usar touca e máscara. Ai é só fazer a ordenha, eu fazia duas vezes por dia, uma pela manhã e outra a noite.
Aqui neste link Como fazer a ordenha manual? explica de jeito simples como proceder na hora da ordenha.

Durante a catástrofe de 2008, já contei aqui. Lembro da  dificuldade que tive para enviar o leite que tinha coletado, a cidade estava um caos e sem energia, graças que consegui uma boa alma que se prontificou em levar o leite até o hospital, eles estavam precisando com urgência de leite.
No ano seguinte em 2009 fui convidada para um encontro com outras mães doadoras que foi realizado no Hospital Santo Antônio, foi emocionante, visitamos a UTI neonatal, conversamos com algumas mães, chorei durante essa visita e também quando exibiram o filme “Mãe D’água” que está no meu post “Mães Guerreiras”, todas choraram, todas as mães e doadoras que sabiam o quanto aquele gesto era importante para aquelas mães e seus bebês.


“Esse leite foi a vida da Giovanna”, ressalta Bárbara.
Hoje, já se sabe que a menina nasceu com uma doença rara. O organismo dela rejeita alguns alimentos, entre eles, o complemento que recebia no hospital. O leite materno, vindo de doadoras anônimas do Banco de Leite, deu forças para Giovanna reagir e sobreviver

Esse trecho é de uma matéria que passou no Globo Repórter veja a história completa aqui.

Para alguns pode ser apenas leite, para essas crianças e suas mães é esperança de vida.

                                             Imagem: comissaoeticaenfermagem.worpress.com     
                                               
O Governo Federal está lançando uma campanha para incentivar a doação de leite materno, visite o site, informe-se. Se você tem condições ou conhece alguém que possa ser doadora, abrace essa ideia. Se você não pode incentive quem pode, compartilhe as campanhas. 
http://www.brasil.gov.br/sobre/saude/maternidade/pos-parto/doacao-de-leite-mater

O Dia Nacional da Doação de Leite Humano que era comemorado no dia 1/10 foi mudado para Dia Internacional da Doação de Leite Humano e teve a sua data alterada para  19/05, entenda porque fizeram essa mudança.

 Dia Internacional de Doação de Leite Humano passará a ser comemorado em 19 de maio

O Dia Nacional de Doação de Leite Humano, tradicionalmente comemorado no Brasil em 1º de outubro, não ocorrerá mais nessa data. Os 24 países presentes no I Congresso Iberoamericano de Bancos de Leite Humano, realizado de 28 a 30 de setembro na capital federal, assinaram, no encerramento do encontro, a Carta de Brasília 2010, que institui o Dia Internacional de Doação de Leite Humano em 19 de maio, com o objetivo de unificar as mobilizações na América do Sul, América Central, Europa e África.

A data foi definida em homenagem à assinatura da 1º Carta de Brasília, em 19 de maio de 2005. Segundo informou o coordenador da Rede Brasileira de Bancos de Leite Humano, João Aprígio de Almeida Guerra, a Agência Brasileira de Cooperação desencadeará uma série de esforços diplomáticos para que a fixação desta data seja levada a todos os países do mundo para a criação do Dia Mundial de Doação de Leite Humano.

A Carta de Brasília 2010 concentra os esforços internacionais para o enfrentamento da mortalidade infantil e aponta as estratégias relacionadas aos bancos de leite humano para o cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio até 2015, conforme estabelecido pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Entre as diretrizes definidas pela Carta de Brasília 2010 estão a expansão com consolidação da Rede de Bancos de Leite Humano, garantindo a ampliação do acesso ao leite humano e à qualidade do produto; o estabelecimento de convênios entre os países signatários, organismos e agências internacionais; o intercâmbio do conhecimento científico e tecnológico no campo do aleitamento materno; a definição de meios de financiamento sustentável para enfrentar os desafios atuais e garantir a continuidade das ações em curso.

Banco de leite de Blumenau (onde moro).
"Referência Nacional em prestação de serviço
O Banco de Leite Humano é referência em todo o País pela qualidade no atendimento, além dos trabalhos desenvolvidos em Blumenau. Em especial, o apoio às mulheres em 2008 no município, quando Blumenau se encontrava em situação de emergência em função das enxurradas. Atualmente o DVD Mãe D'água, que traz reportagens e experiências do Banco de Leite em Blumenau neste período, está sendo traduzido em diversos países como exemplo e modelo de prestação de serviço.

Estrutura 
Estrutura física com mais de 300 metros quadrados de área
- Amplos corredores
- 1 laboratório para análise
- 4 salas exclusivas para atendimento
- 1 sala para a coleta do leite
- 1 banheiro com fraldário
- 1 sala para o processamento do leite
- 1 sala para armazenamento com capacidade para 860 litros

Endereço
Rua 2 de Setembro, Itoupava Norte (defronte à Policlínica)
Telefone: (47) 3381.7570 "
Banco de leite em outras cidades:
Nesse limk vc tem o endereço de vários bancos de leite da cidade São Paulo: http://www.amamente.com.br/banco_doacao_leite.asp

Para quem mora no Distrito Federal:
http://www.redeblh.fiocruz.br/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?sid=432

Curitiba:
http://www.fiocruz.br/redeblh/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=1161&sid=368

Rio de Janeiro:
http://www.fiocruz.br/redeblh/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?sid=439

Rio Grande do Sul:
http://www.fiocruz.br/redeblh/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?sid=442

Pará:
http://www.fiocruz.br/redeblh/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?sid=417

Santa Catarina:
http://www.fiocruz.br/redeblh/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?sid=443

Eu coloquei só alguns limks, no site da Fio Cruz você pode obter o endereço dos Bancos de Leite Materno que estão espalhados por todo o Brasil. http://www.fiocruz.br/redeblh/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?tpl=home


E você foi doadora? Conhece alguma? O que você acha das campanhas? Acha que elas podem ajudar?
Comentários
11 Comentários

11 comentários:

  1. Doar independente do que seja é um sinal de amor!
    E parabéns pelo seu ato.
    Adorei o post
    Bjos
    Tatty

    http://diariomaedeprimeiraviagemtatty.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Lindo Silma
    Amei a resenha
    Muitos bebês nas maternidades precisam desse leite
    Bjus
    http://segredosdaluma.blogspot.com.br/2013/05/look-da-semana.html

    ResponderExcluir
  3. Que lindo! Fiquei até emocionada... Doar é sim um ato de amor e acho que esse assunto deve ser amplamente divulgado para despertar a atenção de outras mamães. Eu tive muitas dificuldades com a amamentação, por isso e por falta de informação, talvez, eu não me mobilizei para doar o leite materno. Parabéns pela iniciativa e pelo post! bjs Camila Vaz #recantocomenta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dificuldade muitas mães tem e em muitos casos pouco apoio, divulgando as campanhas de doação já uma grande ajuda.
      Bjs e obrigada pela visita

      Excluir
  4. Nossa, Silma! Que bacana você divulgar a campanha, que com certeza é um ato de amor simples que pode ajudar muita gente! Parabéns pela sua iniciativa e pela linda atitude! Se é uma coisa que me sinto mal até hoje é por não ter ido atrás de doar já que tinha bastante, queria voltar no tempo...gde abraço
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não se sinta mal por isso, acho que ainda falta muita informação e divulgação.
      Obrigada pela visita.
      Bjs

      Excluir
  5. Silma, eu também doei e foi uma experiência fantástica...saber que meu leite ajudou a alimentar outras crianças....que satisfação!!! Sem falar que eles precisam muitoooooooo!!!! Quem pode....não fique de fora.....vamos doar gente!!!! ajudar o outro é sempre bom! bjs Camila Mamãe Viver Bem Bom

    ResponderExcluir
  6. Oii cheguei!!rsrs..vim conhecer seu blog,mais uma vez obrigada pela ajuda la no grupo!
    Muito bom o post,ajudar sempre é bom,ainda mais com algo tão importante!A informação é td,super importante a divulgação!!até hj lamento muito n ter doado leite,e confesso que foi somente por falta de informação( n sabia na época que eles vinham buscar o leite em casa,não tinha internet,sabia muito pouco sobre isso td..) e olha que tive muuito leite..uma pena mesmo.Depois quando soube,infelizmente já tinha parado de amamentar.
    Bjs e otima quinta!

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pela sua iniciativa!! Admiro quem faz doação, pois é um período que nos resta tão pouco tempo, o bebê mama tanto e disponibilizar esse tempo para fazer um bem tão grande, merece muito respeito!!!

    Um beijo.

    www.muadie.com

    ResponderExcluir
  8. Q lindo ato!
    Eu não doei, por "N" motivos, mas se tocássemos mais no assunto e explanássemos a importância com certeza mudaríamos muitos pontos de vistas.
    Adorei o post, bjss
    http://cphilene.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  9. Muito legal e de extrema importancia,
    parabéns pelo post.
    beijinhOos ♥

    http://www.anjodmv.com/

    ResponderExcluir

Olá, não esqueça de deixar o seu comentário. Obrigada pala visita... Bjs