Quem sou eu

Minha foto

Criei esse espaço para dividir, somar e multiplicar as aventuras da maternidade, me tornei mão aos 40 anos, ser mãe é uma das melhores coisas que poderia ter acontecido na minha vida. Mãe, dona de casa, esposa e agora blogueira, seja bem vido(a) ao meu espaço.

Siga por email

Seguidores

Pesquisar este blog

Meu coração mora aqui.

MinhaFlorBela1

Lilypie Fourth Birthday

Selinho

https://plus.google.com/photos/118370895213320549216/ albums/6041220813981463809?banner=pwa

Facebook

Networked Blogs

Eu curto na blogosfera

Tecnologia do Blogger.

Google+ Badge

Total de visualizações de página

Translate

Postagens populares

Arquivo do blog

Visitantes Online

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
terça-feira, 28 de agosto de 2012
Blogagem Coletiva "Ser Gentil Vale a Pena"!




Gentileza Materna
Na minha primeira participação da BC-Ser gentil vale a pena eu falei sobre gentileza na internet, o tempo passa e essa falta de gentileza permanece.
Há pouco tempo atrás houve a "Marcha do Parto em Casa", como sempre esse assunto trás muita polêmica, eu só vim descobrir que era assim depois que me tornei mãe, pois durante a minha gravidez, não tinha me dado conta de como esse assunto faz com que mulheres e mães  percam a noção das coisas, publicam fotos para chocar, comentários que alguns chegam a ser ofensivos.
Acho que está faltando "Gentileza Materna na Internet", será que se pode tudo em nome de uma causa? Lutar por seus direitos sim, mas apelar acho de mais.

Vou mostrar as imagens que circularam na internet, acho que desnecessárias, mas junto a essas imagens saíram alguns comentários que achei muito deselegantes, principalmente por serem mães falando. Os comentários claro que não irei publicar, preso pela liberdade de expressão, sabe aquele velho clichê"quem fala o que quer pode ouvir o que não quer".

1ª  Foto


Os fins não justificam os meios, era errado sim o que o CREMERJ fez, mas não justifica expor mães dessa forma, até por não saber o verdadeiro motivo pelo qual a outra mãe fez cesárea?

2ª  Foto
Nessa mostra uma outra visão da 1ª  foto, tudo depende de como as coisas são colocadas mas continuo dizendo "desnecessárias".

Gentileza para com as mães, independente da sua escolha, credo, etnia, posição social. Somos "Mulheres e Mães"(olha o trocadilho ai Fabi). Defenda a sua causa mas seja gentil, o alvo não são as mães, então vamos poupa-las. Já carregamos tantas culpas com a maternidade, porque ficar apontando, usando termos pejorativos quando se referem as mães de cesárea.
Têm coisa mais linda do que segurar o bebê no colo pela primeira vez, ouvir o seu chorinho, essa emoção e de todas mães, isso ninguém rouba de nós, o amor não diminui por causa do parto, o amor de mãe é maior que tudo isso.
Gente peço até desculpa pelas imagens das duas primeiras fotos, só publiquei para que vissem até que ponto pode chegar a falta de gentileza ou de consideração com as mães.

3ª Foto
Todas as mães do mundo.
Mãe é aquela que nasceu para semear o amor e dar sentido a vida (Frase tirada do google, junto com a s imagens).

Eu pedi para algumas amigas falarem o que significa "Gentileza Materna" para elas? No sentido geral da palavra... Agradeço a colaboração todas.

Gentileza materna... Eu acho que também se refere a entender e aceitar que outras pessoas também amam e querem bem aos seus filhos e deixá-las participar do seu desenvolvimento. me refiro à outros membros da família, como nossos pais, sogros e tios. No início principalmente, não queremos dividir né? É respeitar que outras pessoas também amam esse novo ser. (Ana Karina)

Gentileza materna é respeitar as da outra mãe, não trata-la como criminosa se as escolhas dela vão contra o que você pensa ou acha que deve ser, isso inclui parto, educação, alimentação etc... (Silma Matos)

Gentileza materna é saber proteger seu espaço de mãe leoa, com o cuidado de não magoar os outros. Gentileza materna é ver os filhos dos outros com outros olhos, pois você é mãe agora e sabe como é difícil essa arte de educar. (Cíntia Abreu)

Gentileza materna é não julgar as outras crianças, colocando seu filho como comparativo de superioridade diante dos outros, gentileza materna é não cobrar coisas absurdas dos filhos e sim saber entender que ele tem sua personalidade, seus limites e que seu papel é ajudá-lo a se compreender como pessoa... (Mônika Lazauskas - blog Mãe Bivolt)

Gentileza Materna é conseguir respeitar o mal humor, cansaço, irritação dos pequenos. Entender que existem dias difíceis para eles também, pensar que talvez aquela birra ou pirraça não seja para te irritar e sim a única forma que ele encontrou de se comunicar!... Gentileza gera gentileza... Meu filho é o que pratico, se eu for gentil com ele, ele será com o mundo... (Tamy Bucchino)

Aceitar as diferenças da maternidade é um tipo de gentileza né? Bjs... Fabiana Deziderio do grupo Mulher e Mãe.

E para você o que é Gentileza Materna?







                                                                          
Comentários
10 Comentários

10 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Sou ginecologista e aprendi a respeitar a autonomia da mãe ao decidir sua via de parto. Sempre fiz campanha para o parto natural, que de fato eh o melhor pra mãe e bebê, mas eu mesma acabei tendo uma cesareana e inúmeras dificuldades pra amamentar. Essa experiência me dez ver que nem sempre tudo ocorre como desejamos e precisamos respeitar os limites e decisões de cada pessoa. Viva a gentileza materna!

    ResponderExcluir
  3. É isso mesmo, acho que as pessoas acabam perdendo a mão na hora de defender as suas causas!
    E este papo de achar q todas as mães que fizeram cesárea são desinformadas ou enganadas pelo médico é absurdo!
    Eu fiz 2 cesáreas, eu escolhi fazer, eu ouvi tudo oq minha médica disse sobre PN e PC e decidi pelo PC, minha médica respeitou minha decisão, me explicou tudo oq eu queria saber e eu deicidi, assumi e estou feliz e tranquila!
    Mas, é assim mesmo, o respeito ao próximo é sempre artigo de luxo, infelizmente!

    Bjos!

    Loreta #amigacomenta;)
    @bagagemdemae

    ResponderExcluir
  4. Olha, tema bom esse da gentileza materna. Tem horas que eu fico pensando como seria se as mães se "enfrentassem" ao vivo: iriam se estapear??
    Acho que gentileza na internet, e não precisa ser só materna, é você respeitar o outro, independentemente de qualquer opinião...
    bjs
    Carol
    www.ninaensina.com.br

    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  5. Eu tive meu primeiro filho de parto normal. Forçadíssimo, porque o colo do meu útero não baixava. O Rodrigo hoje tem 13 anos e ficou com sequelas na coordenação motora. Só percebemos quando ele corre, ou quando caminha(ele não faz o movimento de 'pêndulo' com os braços enquanto se movimenta), por exemplo. Já quando tive o Arthur (6 anos) precisei de uma cesariana, pois apresentei oligo severa,fora a endometriose, representando riscos para meu filho. Acho que a gente deve dar à natureza o seu curso, ou fazer nossas escolhas de forma consciente e ponto.
    O que aconteceu comigo e com meu filho no primeiro parto foi falta de respeito, pois me forçaram a fazer força por 8 horas, em um banquinho para ajudar o que não era solucionável deste jeito. Meu filho nasceu roxo, não chorou e hoje tem uma série de dificuldades embora seja um menino perfeito, inteligente, capaz. Mas sei que poderia ter sido pior. E no caso do Arthur a cesariana foi feita prontamente, e não desencadeou sequelas como dificuldades para amamentar. Amamentei o Arthur até um ano e seis meses, e ainda doei leite nos dois primeiros meses.
    Mas gente cada caso é um caso, cada organismo tem suas reações... Cadê o respeito? Que cada um defenda sua causa e ponto.
    Soube de troca de farpas entre mães, acho que respeito à individualidade, opinião alheia devem vir antes de qualquer outro 'respeito' que se defenda. Somado à educação.

    Tenha um final de semana maravilhoso, e uma semana abençoada pela frente!
    Bjinhooo flor!
    #amigacomenta

    http://ale-dreams.net

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O teu relato é muito emocionante,eu conheço outros casos semelhantes ao teu,é por isso que eu acho que falta gentileza das que lutam por sei direito disso ou daquilo,respeito em primeiro lugar.

      Excluir
  6. Silma,

    Tem mulheres que não conseguem defender seu ponto de vista e ser gentil, principalmente quando o assunto é a escolha do parto. Coisa que acho verdadeiramente lamentável.
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  7. Oi Silma,
    achei muito bacana a forma como você abordou o assunto. Sou a favor do que é seguro e melhor para cada mãe. Adorei o post.
    Beijos
    Chris
    http://inventandocomamamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. adorei o post, acho que foi um dos que mais gostei sobre o assunto!!!
    parabéns, amiga!!!

    beijos
    #amigacomenta

    ResponderExcluir
  9. Adorei o comentário da Dra. Flavia Maciel, é exatamente o que eu penso!

    Cada mãe tem quer ter direito de escolha mas tem que ter também consciência de até onde vão seus limites e, claro seria ótimo se tivesse sempre o apoio de seu médico seja qual for a situação.

    beeijoos

    #amigacomenta

    ResponderExcluir

Olá, não esqueça de deixar o seu comentário. Obrigada pala visita... Bjs